quarta-feira, 5 de setembro de 2018

DIPLOMAÇÃO E POSSE DE ALBERTO TAVARES E MARIALVA MONT'ALVERNE NA AMCLAM


O verdadeiro templo do Brigadeiro Falcão - A PMMA, ontem foi deverasmente engrandecido.

Testemunhamos o feliz compromisso de dois gigantes intelectuais que de forma imortal, agora se irmanam aos ilustres confrades e confreira deste sodalício. 

Homens de excepcional valor cultural que possuem em suas bagagens de conhecimentos, significativas similitudes, vez que, fizeram de suas vidas, apanágios que os diferenciam na sociedade maranhense e brasileira.

Intelectuais integrantes da Academia Maranhense de Letras, operadores do direito, facilitadores de conhecimento e acima de tudo, dotados de qualidades e virtudes que exaltam de seus carateres e de suas personalidades.

Mestres do saber que formaram e ofertaram ao Brasil, uma plêiade de bacharéis e licenciados, em diversas áreas científicas acadêmicas. 

Ainda exultante de alegrias pelos seus ingressos definitivos, agora ratificados pela diplomação e posse com as suas consequentes assunções nas cadeiras n° 02 (Hélio Maranhão) e 07 (Augusto Tasso Fragoso), personalidades estas, que engrandeceram a Atenas Brasileira, ALBERTO JOSÉ TAVARES VIEIRA DA SILVA e FRANCISCO MARIALVA MONT'ALVERNE FROTA, vem unir-se e enriquecer o universo da ACADEMIA MARANHENSE DE LETRAS - AMCLAM, que embora jovial, possui em seu cerne, gloriosos fragmentos científicos, literários e artísticos, levando em consideração a riqueza das obras individuais registradas e produzidas.

Recepcionados respectivamente, pelos Acadêmicos  Raimundos: Marques e Jesus, estes, com grande maestria, conseguiram sintetizar as biografias dos novos Acadêmicos, permitindo a todos os presentes, acessar as pinceladas dos feitos profissionais e pessoais dos homenageados de forma suave e agradável, em que foram exaltados os caminhos percorridos por essas singulares figuras humanas, desde os seus despertares para a vida, até os píncaros da glória alcançados. 

Em seus agradecimentos, Alberto Tavares, conseguiu mais uma proeminência, agregar ao vasto rol de seus admiradores,  personagens que pela primeira vez o ouviram, tais como a jovem Camila Silva França Moreira, minha filha e Fabiane dos Santos Santana Moreira, minha consorte, as quais, gentilmente se propuseram a auxiliar nos trabalhos de secretaria e que no retorno para casa, o assunto principal abordado, foi a verdadeira aula que acabaram de assistir.

É de significativa importância ressaltar que o Professor Marialva Mont'Alverne,  mesmo ainda se restabelecendo de um delicado procedimento médico, participou ativamente de todos os atos solenes, sem demonstrar aos presentes, qualquer sinal de desconforto; apenas, registrou antecipadamente, o desejo de não utilizar da palavra, com o único intuito de evitar que a emoção aflorasse efusivamente. 

Em um verdadeiro aprendizado na condução da nobre missão de presidir a AMCLAM, confiada por todos os seus membros fundadores, sinto-me extremamente honrado, por contar em nossa Confraria, com pessoas que comungam com os nossos ideais e são verdadeiras portadoras de dignificantes predicados.

Que no futuro, outras personalidades de iguais semelhanças em conhecimentos e procedimentos, venham se juntar à este seleto grupo, para engrandecer ainda mais a cultura maranhense e brasileira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.